Tindersticks na Suíça

1 de abril de 2012

Texto e fotos: Vitor Diniz

Existem certas bandas que só poderiam tocar mesmo em lugares especiais, aqueles em que além do som perfeito, tenham uma atmosfera única. No caso do grupo inglês Tindersticks, uma ambientação sofisticada, porém despretensiosa, também deve ser acrescentada.

E foi em uma casa com todas estas características mencionadas acima, o Kaufleuten, em Zurique, que a banda fez um belo show no final de março, na Suíça, lançando Something Rain, seu novo disco e liderado pela voz inconfundível de Stuart Staples. O Tindersticks fez um concerto e tanto no Kaufleuten, local que tem nuances de teatro municipal ou Royal Albert Hall.

“Show Me Everything” foi das músicas mais emocionantes com backing vocals delicados e precisos. Já “Slippin’ Shoes” foi a melhor da noite; um primor, que mostrou como o grupo se preocupa com a riqueza dos arranjos. Nada parece fora do lugar na performance do Tindersticks. Cada solo, cada movimento no palco traz algo sublime.

Os suíços na plateia pareciam hipnotizados pelo som elegante e com ecos de jazz dos ingleses. Atentamente, acompanhavam em silêncio total os solos, tanto de trompete, quanto de órgão e guitarras. Pareciam se deliciar com a voz de Stuart. No final de cada número, aclamavam totalmente o grupo.

Mesmo sem tocar alguns clássicos, como “Dying Slowly” e “Sometimes It Hurts”, o Tindersticks deixou seus fãs de Zurique mais do que satisfeitos. A lojinha vendendo discos e produtos do grupo, lotada após o show, foi o grande indicador dessa satisfação.