Chicago e uma lenda

19 de março de 2014

Banda obscura que surgiu no final dos anos 1970 tem disco lançado nos EUA

Por Vitor Diniz

Desde que os Strokes lançaram em 2001 Is This It, seu avassalador álbum de estreia, que um disco de rock direto e reto, no bom sentido, não me pegava tanto quanto este – You’re Not Gonna Get It: 1978-81, do Epicycle. O desconhecido e longínquo grupo de Chicago é um dos grandes achados da gravadora Hozac.

A pegada do Epicycle não se assemelha em muita coisa àquela que fez dos Strokes um dos líderes do chamado novo rock, ao lado do White Stripes no início dos anos 2000, que fique claro isso. Mas este disco é tão irresistível quanto aquele lançado pela trupe de Julian Casablancas. Músicas diretas e contagiantes que fazem com que você fique na dúvida se escuta novamente o Lado A, ou se avança para descobrir a outra promissora face. A Hozak acertou em cheio ao soltar este disco que compila alguns singles, o único LP e certos extras deste grupo, que transitou pela cena underground de Chicago, naqueles anos retratados neste lançamento que corrige uma injustiça.

Para se ter uma noção do quanto a história do rock perdeu ao não ter dado a devida importância ao Epicycle, o grupo que emula o power pop e o punk rock de forma impecável, teve, como um de seus grandes incentivadores, ninguém, mas ninguém menos, que Bruce Pavitt, fundador da seminal  gravadora Sub-Pop. Pavitt, ainda morando na terra do Wilco, editava uma publicação local dedicada à música e teve muitas ligações com os caras.

No Brasil, eles podem saber que também contam com um admirador de peso, pois o jornalista e músico Kid Vinil, logo se manifestou positivamente com comentários elogiosos sobre o Epicycle, quando postei a foto do vinil que acabara de chegar às minhas mãos na rede.

  UMA GUITARRA BEM ALTA

E se o The Damned ou o Cheap Trick são boas referências, o que dizer quando se ouve “High School Junkie” e se pensa em “Pictures of Lily” ou em “I Can’t Reach You”? Ambas da fase mod do The Who!

O disco é mesmo daqueles de se querer escutar várias vezes, não cansa o ouvinte, tanto que em “Underground”, a vontade de revisitar com atenção o solo de guitarra que sobe, deixando o resto da “cozinha” em segundo plano, é inevitável. O Epicycle era formado por jovens, todos estudantes e menores de idade, algo que pode ter abreviado a carreira da banda.

Os termos Teen Punk e Power pop, estão cunhados na capa do vinil e do cd em uma etiqueta. O guitarrista e cantor, Ellis Clark, fez parte do Epicycle, e, no final de janeiro deste ano, em entrevista ao jornal Chicago Sun-Times, falou sobre o último show da banda, em janeiro de 1982, e sobre o interesse que este lançamento reacendeu sobre seu antigo combo. Uma reunião do quarteto seria incrível, embora Ellis tenha dito que cada um deles vive hoje em uma parte dos Estados Unidos e não exista nada que confirme uma volta até este momento.

Pertencem ao acervo do músico também os flyers que ilustram o encarte do disco. Tal material me fez pensar o quanto rica era a cena de Chicago daquele período. E se Nova Iorque teve o CBGB e muitas bandas, Chicago tem lá também as suas boas histórias para serem contadas.

artigo publicado por popmix
tags

Mansun, Lollapalooza e uma FM

17 de março de 2014

Edição de março do Sucesso Popmix no ar!

Da redação

Em 1997 o disco Attack of the Grey Lantern colocou o grupo Mansun(Foto) na então disputada vitrini do Britpop. A banda de Chester encerrou suas atividades em 2003, mas seu disco de estreia foi revisitado no Sucesso Popmix de março. Além dos ingleses do Mansun, Arcade Fire, Jake Bugg e Savages, que estão chegando ao Brasil para o Lollapalooza, também estão entre os destaques de nosso programa na Rádio Sucesso FM.

Bloco 1

Bloco 2

Bloco 3

Bloco 4

artigo publicado por popmix
tags

Flamenco Rock

8 de março de 2014

Confira o novo clipe de Johnny Monster
.
.
Por Vitor Diniz
.
O músico paulistano Johnny Monster está lançando seu segundo disco solo, “Plaine de Mongolie” e a música “Boas Novas” foi a escolhida para ser o primeiro single deste novo projeto. O clipe de “Boas Novas” é um dos mais interessantes lançados no Brasil nos últimos tempos, conta com muita gente bacana envolvida e  traz a  assinatura de Ronaldo Miranda. Johnny Monster, que disponibilizou seu disco de estreia Solistício de Inverno junto ao Popmix, também faz parte da banda Daniel Belleza&Corações em Fúria, entre outros projetos.

 

.
.
.
artigo publicado por popmix
tags