Cool Britannia

14 de setembro de 2016

Conheça algumas grifes inglesas que estão entre as mais bacanas do mundo!

as-11-grifes

Texto e Fotos- Vitor Diniz

Sinônimo de excelência em termos de rock’n roll, a Inglaterra é também um dos pilares da cena fashion mundial e o berço de vários estilistas que estão entre os mais respeitados do planeta como Paul Smith, Oliver Spencer, Stella McCartney, Alexander McQueen e Vivienne Westwood, entre tantos outros. Na terra de Mary Quant a música e a moda dialogam com perfeição. Da Swinging London de Twiggy até Kate Moss, a top da geração Britpop, as ruas , vitrines e os palcos da Grã-Bretanha ditaram tendências. Das escolas mais disputadas de arte e de design  saíram grandes nomes. No Reino Unido dos Mods, Punks, Indies e afins, ícones da música são também faróis do universo fashonista. O eterno David Bowie e o dândi Bryan Ferry, por exemplo, inspiraram diversos editoriais de moda. Por esses e por outros motivos, preparamos uma lista com algumas etiquetas das mais instigantes da Inglaterra. E para homenagear também um certo esporte que jogamos com os pés e que amamos, mas que os britânicos inventaram, selecionamos não dez, mas sim onze labels Made in UK.

 

dez-grifes-logos_-pretty-green

1-Pretty Green

https://www.prettygreen.com

– Liam Gallagher não perdeu tempo e há mais de cinco anos que sua grife é uma das mais sedutoras do mercado. As peças contam com acabamentos sensacionais e sempre oferecem boas sacadas. Roupas inspiradas em John Lennon e Jimi Hendrix são apenas alguns dos hits da Pretty Green que está em várias cidades do Reino Unido e ainda conta com uma loja em Tóquio. O nome da marca é o mesmo de um clássico do The Jam. Banda liderada por quem? Sim, por ele, o Modfather Paul Weller, que já teve uma linha de roupas junto a Pretty Green.

blaqua-menswear-1447163654

 

2-Blaqua

http://blaqua.net

– A loja que ficava na Newburgh Street fez história. E a Blaqua segue encantando os consumidores mais atentos do UK e do mundo com suas cores lindas e a certeira direção dos carismáticos Simon Green e Debbie Jeffery. As estampas e os tecidos para lá de especiais são produzidos em quantidade limitada. Músicos como Robyn Hitchcock e Paul Weller estão entre os astros que a Blaqua já vestiu.

dez-grifes-logos_-ben-sherman

3-Ben Sherman

http://www.bensherman.com/

– Super tradicional, a Ben Shermam, que fica na Carnaby Street, respira o estilo mod e a loja que a grife montou na Savile Row foi uma das mais bonitas que a classuda rua em que os Beatles fizeram a sua última apresentação já viu. Uma coleção com camisas calcadas em Roger Daltrey do The Who , Jarvis Cocker do Pulp e Bernard Summer do New Order foi um dos ”gols de placa” da Ben Sherman.

 

dez-grifes-logos_-merc

4-Merc

https://www.merc.com/

– A esquina que ocupava na Carnaby Street era um charme só, o sub-solo uma viagem pela cena mod através de suas roupas. Hoje o site da Merc garante ótimas alternativas para quem curte a moda focada na cultura pop. A camisa com a logo da marca fundada em 1967 é clássica entre os indies.

 

dez-grifes-logos_-fred-perry

 

5-Fred Perry

https://www.fredperry.com/

– Talvez a mais querida entre os amantes do rock, a Fred Perry virou uma espécie de símbolo do ‘British way of life’ e ao longo de décadas apoiou várias bandas. Linhas exclusivas foram desenvolvidas pela marca junto a nomes como Amy Winehouse, Paul Weller e The Specials. A lendária polo da Fred Perry é quase um uniforme nos shows mais interessantes do Reino Unido. A seção Subculture, no site da grife, é um belo suporte para diversos artistas. Atualmente, o selo conta com duas lojas no Brasil.

 

dez-grifes-logos

6-Belstaff

http://www.belstaff.com/home

– Jaquetas incríveis nos fazem pensar no melhor estilo ‘Rock&Roll Star’. Kate Moss , Rick Wilson do Kaiser Chiefs e David Beckham já exibiram as peças desta instituição que data de 1924. Cheia de personalidade em suas roupas, possui uma das lojas mais atraentes da New Bond Street e isso não é para qualquer um!

dez-grifes-logos_-westwood

7-Vivienne Westwood

http://www.viviennewestwood.com/en-gb

– As vitrines da estilista que ajudou a moldar a estética punk ao lado de Malcolm McLaren estão entre as mais procuradas da Inglaterra. Curiosamente, uma loja de Vivienne  está em um endereço ao lado do Cavern Club, em Liverpool além de outras em Londres, Milão , Los Angeles e outras praças.

 

dez-grifes-logos_-david-watts

8-David Watts

www.davidwattsclothing.com

– As fantásticas parcas com estilo mod são uma referência desta brand tipicamente inglesa, que carrega o nome de um dos hinos dos Kinks, que depois foi regravado pelo The Jam.

dez-grifes-logos_-burberry

 

9-Burberry

https://br.burberry.com/

– Claro que a icônica grife britânica dispensa maiores apresentações, mas seu projeto Acoustic, que acionou bandas como Hidden Charms e Keston Cobblers Club merece toda a atenção. Assim como a Burberry, tudo que os músicos registraram nestes acústicos remetem à elegância e à exclusividade. No Brasil a Burberry está presente com várias lojas!

 

dez-grifes-logos_-the-real-stars-are-rare

10- Real Stars Are Rare

https://realstarsarerare.com/

– Se tantas marcas se inspiraram em Paul Weller e fizeram parcerias com  ele, nada melhor agora do que o lendário ex-líder do The Jam e do Style Council capitanear este belíssimo label.

 

dez-grifes-logos_-lambretta

11-Lambretta

http://www.lambrettaclothing.co.uk/

– O nome  e a conotação da loja, já entregam a vocação estilosa desta grife, que, em sua cativante casa na Carnaby Street, nos permite fazer um mergulho no universo de bandas como The Who, Small Faces e The Jam . As parcas tipo Quadrophenia  e os lindos relógios  são impecáveis. Vale ficar atento às araras com as placas Sale, para achar ótimas peças com bons preços. Afinal, a cotação da libra é sempre um problema.

 

parca

 

Na Europa e nos EUA! Conheça dez lojas de discos muito especiais

artigo publicado por popmix
tags