Madrid x Goiânia

11 de novembro de 2012

Texto e fotos – Vitor Diniz

A dupla Madrid, formada por Adriano Cintra e Marina Vello, traz em sua alcunha um mix dos nomes de seus componentes. Ele, ex-mentor do Cansei de Ser Sexy, banda brasileira que consegiu bem mais do que um brilhareco na Inglaterra. Ela se tornou famosa com o Bonde do Rolê, projeto curitibano, divertido, que também agradou aos europeus.

Os dois tocaram neste final de semana no Festival Goiânia Noise, e fizeram um show que foi, no mínimo, correto. Deixando uma expressão de ”quero mais” no rosto dos curiosos de plantão, o rápido (com cerca de quarenta minutos), show da dupla, que parecia deslocada em meio às atrações mais ”agressivas” do evento acabou agradando à pequena plateia. Lembremos que, na sexta-feira (9 de novembro), Goiânia teve uma noite chuvosa, talvez um dos motivos para que o ótimo Centro Cultural Oscar Niemeyer não estivesse repleto.

O Madrid, que foi destaque na revista americana NYLON, uma das “bíblias” de estilo atualmente, fez a sua parte, de forma discreta, lírica e mágica. Adriano, em seu teclado, revelou ser um pianista de fato. A canhota Marina, com seu visual bacanérrimo, usou uma guitarra em alguns números. Já em outros, apenas usou sua voz e convenceu. Quando os dois cantam simultaneamente, o Madrid então se torna sublime.

No fundo do palco, uma projeção com um suposto baterista, justifica de forma inteligente o uso das levadas eletrônicas. Genial ideia!

Para lembrar os grandes do indie

A discrição parece ser uma marca da dupla, que não interagiu com os goianos, não que tenham tido um ar blazé, mas apenas se disseram felizes no final por estarem ali . Seu lindo vinil colorido de estréia não era sequer vendido nas lojinhas que faziam parte da estrutura do festival. E a data não constava na lista de shows, no site deles, que diga-se de passagem é britânico. www.wearemadrid.co.uk

”Sad Song” simbolizou bem o quanto esse duo é talentoso e seu som pode até parecer tristonho, mas na verdade nos remete a grandes nomes do indie dos anos 1990. O Madrid e suas lindas melodias é uma das grandes pedidas da atual cena alternativa. Tomara que eles toquem mais pelo Brasil, e seu disco (Madrid) apareça em nossas prateleiras. A banda, vale lembrar, não vai lançar em cd seu álbum, mas a versão digital e a já citada vinílica merecem o investimento!

Assista entrevista com o Cansei de Ser Sexy em 2005 no Popmix:

artigo publicado por Redação
tags Madrid shows